Ghost: além do satanismo, homenagens a clássicos do cinema

o-matic
(Foto: Divulgação)

A banda sueca Ghost divulgou neste final de semana o single Cirice, de seu novo álbum, Meliora, com lançamento previsto para o dia 21 de agosto. Além da pegada já característica do occult rock da banda, o que chama a atenção é uma clara referência ao filme Silêncio dos Inocentes, ganhador de cinco Oscars em 1992. E este não é o único caso: todo o material gráfico da banda homenageia clássicos do suspense, adaptadas ao característico visual dos integrantes.

ghost 1
Arte promocional de Cirice (2015) /Silêncio dos Inocentes (1991)

Vamos do começo. Em 2010, o Ghost lançou o elogiado Opus Eponymous. A capa apresenta uma igreja aparentemente assombrada pelo vocalista da banda, Papa Emeritus II. As dez faixas do álbum giram em torno de um grande ritual satânico. Uma das faixas bônus é um cover de Here comes the Sun, dos Beatles, o que no contexto do álbum sugere louvor a Lucifer. O autor da capa se apresenta com o pseudônimo de “Basilevs 254“.

O design é uma óbvia referência à série de televisão de dois episódios Salem’s Lot (Os Vampiros de Salem, em português).  Ela é uma adaptação do livro de mesmo nome de Stephen King. A história gira em torno de um escritor que, ao chegar à cidade fictícia de Jerusalem Lot, descobre que os moradores estão se tornando vampiros. No pôster do filme, o Papa é substituído por um vampiro, e a igreja originalmente era uma casa mal-assombrada presente na história.

ghost 2
Opus Eponymous (2010)/Salem’s Lot (1979)

Depois, temos Infestissumam, de 2013. Ele apresenta novamente o Papa com os braços abertos sob uma cidade, como se a amaldiçoando, e apresenta também um bebê, simbolizando o anti-cristo, temática recorrente nas letras do disco. Também é uma referência declarada a um clássico de Hollywood: Amadeus, lançado em 1984 e também ganhador do Oscar. O encarte de Infestissumam foi feito pelo artista polonês Zbigniew M. Bielak, também autor da parte gráfica de Metropolis.

O filme é um drama baseado na vida dos músicos Wolfgang Amadeus Mozart e Antonio Salieri. Amadeus recebeu oito Oscars, incluindo o de melhor filme naquele ano. O filme gira em torno da figura de um amargurado Salieri, que conta a história de sua relação com Mozart a um padre. O cartaz do filme mostra uma figura às sombras, atrás de uma cidade, como se fosse um regista.

ghost 3
Amadeus (1984)/Infestissumam (2013)

O EP If You Have Ghost, de 2013, faz uma referência óbvia ao vampiro Nosferatu, do filme alemão clássico de 1922. O EP reúne uma série de releituras de músicas de outros artistas, produzidas por Dave Grohl. À exceção do rosto do personagem e de detalhes nas cores, a capa do EP retrata com perfeição uma cena em que o personagem título aparece em um navio. Mattias Frisk, autor de outras imagens de divulgação da banda, é o responsável pela adaptação. 

ghost 4
Nosferatu (1922)/If You Have Ghost (2013)

Meliora ainda não foi lançado, mas a arte do disco está disponível na página oficial da banda no Facebook, e mostra mais uma referência do cinema alemão: o encarte aparentemente segue os traços de Metropolis, filme de ficção científica de 1927, dirigito por Fritz Lang.

ghost 5
Meliora (2015)/Metropolis (1927)

No roteiro, a elite controla uma sociedade que força os trabalhadores a viverem no subsolo. O filme rendeu um convite de Adolf Hitler para que Lang colaborasse com a propaganda nazista,  o que não se concretizou. O poster de divulgação original mostra o rosto de um ciborgue, enquanto linhas – representando os prédios de uma grande cidade – correm verticais a seu lado. Na versão do Ghost, prédios e uma estátua do Papa Emeritus formam uma caveira, imitando o personagem da versão original.

Elyson Gums

Estuda jornalismo porque não deu certo como zagueiro. Gosta mais de batata do que de estudar, e assiste muito desenho e filme pastelão.